[Querem umas dicas?] CTT Correio Editorial - Portes de envio mais baratos para livros, regras e passo-a-passo

Hoje venho ensinar-vos o que sei sobre o envio de livros através dos ctt, com os portes de envio em correio editorial.

Ctt Editorial
Tarifas económicas para o envio de livros, jornais e publicações.

A melhor forma de enviar vários objetos postais para um mesmo destinatário.

Se quiserem enviar livros em correio registado, também há uma tarifa para livros. Que é os portes em ctt editorial + 1,60€ o registo, independentemente do peso.
No entanto para usufruir desta vantagem, há regras a respeitar:
- No envio, apenas pode ir o(s) livro(s) e nada mais. Nem uma carta, nem um postal, nem sequer um post it, nada escrito pela vossa mão. Já vi algures que nem sequer podia ir o marcador, mas se for apenas o marcador de livro, sem mensagens, sem nada escrito À MÃO, pode ir perfeitamente.

Têm de escrever no envelope (ou caixa!), para que o funcionário dos ctt que vos atender possa ver, em letras que se vejam "LIVRO" ou "Contêm livros!".

- Ao usarem esta tarifa estão a permitir aos CTT o direito à verificação postal, portanto a vossa encomenda pode ser aberta para ver se realmente só estão lá livros. Por isso não convém o envelope ir exageradamente fechadosó o suficiente para o livro não sair da embalagem ou pode chegar ao destino num envelope em mau estado, após ser aberto para ser verificado ou mesmo voltar atrás, ser rejeitado.
Já recebi em casa livros que as pessoas que enviaram, ao fecharem o envelope com fita cola, apareceu-me em casa o envelope todo rasgado com o livro quase todo de fora.

Vou ensinar-vos como eu faço (para o caso de ser só um livro, ou livros pequenos, ou com poucas folhas, leves):


Existem estas linhas, cordões ou fios baratos nos bazares ou mesmo supermercado.

Se possível, para enviar livros, usem estes envelopes com abertura em cima.

E sabem qual a vantagem de enviarem assim nos envelopes? É que são reutilizáveis!! Cola-se por cima uma folha branca da morada que se escreveu anteriormente, tira-se muito devagar e cuidadosamente o selo (ou cola-se uma folha por cima) e dá para reutilizar umas quantas vezes o mesmo envelope!
Ou então colem uma folha A4 sobre o envelope todo e assim "tapa" logo tudo de uma vez. Se gostam de emprestar livros entre amigos e família e usam os ctt, o mesmo envelope vai e vem algumas vezes :)

E não usem aqueles que se abrem a toda a largura do envelope, na horizontal, como este:


O picotado não dá jeito, pois rasga-se com muita facilidade, está sempre a abrir, não têm bom tamanho para o envio de livros e não são nada práticos para fazer de forma a o envelope não ir totalmente fechado, para verificação postal, como vos mostrei acima.

Há outras formas de fazer, que envolvem fita cola e técnicas manhosas, envolver o livro em papel pardo e sisal, mas esta é a mais fácil.
No final deste tutorial vou actualizando com links para artigos que vou escreverndo com mais dicas e tutoriais passo-a-passo sobre o envio de livros e outras formas de os enviar/embrulhar e até limpar, reparar, etc...
Para livros mais pesados, não usem o sistema de furos com o cordel, mas sim: envolvam o envelope a toda a volta com o cordel:


Duas voltas com o cordel, sem nós, de ambos os lados, e depois deixar um laço que seja fácil de abrir (basta puxar por uma pontinha e se desfaça logo) por isso eu deixo sempre um laço largo, pois assim não se solta facilmente e é fácil/tem cordel suficiente para voltar a fechar a encomenda, caso seja aberta para verificação postal.


Se enviarem livros em caixas:
A regra também se aplica! Terá de ser abertura fácil para que, caso a vossa encomenda for escolhida para ser sujeita a verificação postal, ao abrirem a vossa caixa não a danifiquem ou pior, estraguem os livros a tentar abrir a caixa, forçadamente.

Eis um exemplo, de uma amiga, que fez uma doação a esta biblioteca, que tanto precisa.

Podem fechar a caixa com fio sisal, com cordão, com fita de embrulho, o que quiserem. NÃO podem é selar a caixa totalmente, com fita cola, cola, até mesmo os autocolantes próprios da caixa dos ctt, para colar de lado, ou o que que que seja. Fechar com cordão a toda a volta

Com as caixas dá para fazer tal como os envelopes, colando um papel a tapar as moradas e o selo (ou se possível remover o selo total e cuidadosamente), ou colando uma folha A4 de forma a que tape tudo, dá para reutilizar a caixa várias vezes.

Aqui poderão fazer o download de um simulador automático, em que vocês colocam as gramas (sempre em gramas, se fizerem um envio de livros em que sejam em kg, metam as gramas - ex: 1kg=1000grs) e faz logo automaticamente o preço dos portes de envio do(s) livro(s)
Em envios para + de 2kg, têm de somar + 23% do IVA.

Para pouparem nos envelopes, comprem sempre em quantidade! Comprem packs deles, no hipermercado, quando estiverem em promoção, seja desconto directo ou em cartão, na Staples, por exemplo ou outras lojas do género, nas vossas lojas dos 300... Comparem sempre os preços, para verem onde é mais barato. E reaproveitem outros envelopes, como comentei no início deste post :)
Imagem ilustrativa, podem usar envelopes almofadados, de papel pardo, de papel normal, desde que protejam o livro para ir bem, como ensino aqui.
***
01. O que é o Correio Editorial?
É um serviço destinado a Editores, envolvendo a distribuição postal de livros e publicações de natureza não publicitária, em território nacional e no estrangeiro, beneficiando de um preço económico.
Apesar de ser destinado a editores, os particulares podem (e devem) utilizar esta tarifa especial para o envio de exclusivo de livros. Que é uma tarifa muito mais económica, com uma diferença face ao envio em correio normal bastante significativa. Tal como refere o ponto abaixo, 06:

06. Pode um particular enviar um Livro?
Sim. O Livro é a única categoria dentro do Correio Editorial em que é permitida a sua utilização pelos particulares.

07. Na expedição de livros podem ser incluídas outras correspondências?
Não. Em geral, qualquer outra correspondência incluída nos livros não terá direito à taxa de livro, devendo ser taxada isoladamente, tendo em conta as suas características e preços em vigor.

08. Como obter mais informações sobre este serviço?
Para mais informações sobre o Correio Editorial contacte-nos através da Linha Verde - 800 20 68 68, em qualquer Loja CTT ou por e-mail: informacao@ctt.pt



ATENÇÃO!


Se algum funcionário mal informado vos disser que apenas as editoras podem usar este serviço, imprimam esta informação, logo nas primeiras linhas do texto, onde diz:
"O Correio Editorial é um serviço destinado a Editores, abrangendo as categorias de livros, jornais, publicações periódicas e não periódicas, de natureza não publicitária, beneficiando de tarifas económicas. Excetua-se o caso específico dos LIVROS que também podem ser utilizado por PARTICULARES."

Se não puderem imprimir, tirem uma foto com o telemóvel onde se leia a informação. Eu andava sempre uma cópia desta informação comigo. Peçam o talão ou factura para ver se fizeram mesmo o desconto, se não fizeram chamem o gerente e escrevam no livro de reclamações. Há certos pontos dos ctt que para não se darem ao trabalho de seleccionar envio editorial ou mesmo por  pura implicância dizem que não sabem de nada e vos cobra o envio normal.

Na categoria de Livros, para pesos superiores a 2 Kg e até 5 Kg, deverá ser adicionado ao preço de 2 Kg, o preço por Kg constante do tarifário do Saco Multipostal. Ao valor obtido, acresce IVA à taxa legal em vigor. Outra boa alternativa aos envios superiores a 2kg é o envio EMS.
Portanto, se a encomenda com livros tiver + de 2kg, cada kg excedente, até aos 5kg, acresce um valor (em cêntimos do qual estou à espera da confirmação certa por parte dos ctt + IVA). Seja como for, podem consultar o simulador automático que me forneceram e vos disponibilizei.

Irei enviar um email aos senhores dos ctt a questionar porque motivo existem tantas caixas, até compridas triangulares, etc para enviar tanta coisa, e não existem envelopes e caixas especificas para o envio de livros, já preparadas para a verificação postal?
Se todos juntos fizermos essa sugestão, pode ser que um dia se realize.

ENVIAR EM CTT EDITORIAL REGISTADO!
Para enviar livros em correio editorial REGISTADO (+ seguro) acresce ao valor dos portes, independentemente da quantidade ou peso de livros, pois o registo têm um valor fixo: de 1,60€.

Espero que estas informações e as indicações passo-a-passo vos sejam úteis.


***

20 comentários:

  1. Obrigada pelo post esclarecedor. Eu tenho apenas uma dúvida e tinha esperanças de que ma pudesse esclarecer. O Correio Editorial é válido se quisermos enviar livros para o estrangeiro? Agradeço desde já.

    Joana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dá assim, pode ler aqui: http://www.ctt.pt/fectt/wcmservlet/ctt/faqs/faq3.html#02

      02. Quais os Padrões de Serviço do Correio Editorial?
      Os padrões de serviço do Correio Editorial são os seguintes:
      Serviço Internacional
      Serviço Normal

      Europa: 5 dias úteis
      Resto do Mundo:7 dias úteis
      Serviço Económico

      Europa: 10 dias úteis
      Resto do Mundo: 20 dias úteis

      Ainda bem que o artigo foi útil :D

      Eliminar
  2. Adorei o post Liliana!
    Por acaso, há umas semanas encontrei um post parecido e informei-me sobre este assunto, mas caso não me tivesse deparado com ele ainda estaria a gastar uma pequena fortuna no envio de livros! E por isso, partilhei o teu post na minha página do facebook, para informar outras pessoas que não saibam deste assunto... espero que não te importes :)
    Beijinhos!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. À vontade Ana, é para isso que eu escrevo e partilharem daqui para mim é um elogio e até arranjei ali aqueles botõezinhos para partilhar mais facilmente e tudo nas redes sociais ;)

      Já tenho este post aqui à mais de um ano, mas estava mais simples. Este agora está actualizado, tem o tal simulador, e ainda tem fotos passo-a-passo e explico mesmo TUDO, assim toda a gente poderá ficar a saber sobre este assunto (porque nem todos apanham senhoras dos ctt simpáticas que ao nos verem ir lá tantas vezes e sentirem pela forma e peso que aquilo é um livro nos perguntam se queremos enviar em editorial e nos explicam o básico do assunto).
      Sim porque ainda andei uns bons tempos a enviar livros a preço normal. E os livros até são coisas com algum peso, mesmo os mais finos.

      O resto fui pesquisando e aprendendo para partilhar aqui convosco :)
      Tenho mais posts assim do género passo-a-passo, entre outros, espero que visites e vás visitando e comentado sempre que puderes/quiseres ;)

      Eliminar
  3. Adorei o artigo!
    Muito obrigada pela informação!
    ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito satisfeita por ter gostado Lina!! :D
      Espero contar com a sua visita mais vezes aqui neste espacinho ;)

      Eliminar
  4. Olha vês, não sabia mas dá mesmo muito jeito! Por isso é que gosto de vir ao eu blog, aprendo sempre algo novo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E é por receber assim agradecimentos simpáticos e sinceros que eu gosto tanto de aprender estas coisas para vir partilhar convosco ;)

      Eliminar
    2. Já agora, explica-me uma coisa, por favor.
      Posso usar o saco multi para enviar um livro e outras coisas? E em quanto fica isso?
      Não consegui usar o simulador no google drive. Não dá para escrever nada

      Eliminar
    3. Não percebi a parte de "outras coisas"?
      Para usar a taxa editorial, como digo logo no início: "- No envio, APENAS pode ir o(s) livro(s) e nada mais. Nem uma carta, nem um postal, nem sequer um post it, nada escrito pela vossa mão. Já vi algures que nem sequer podia ir o marcador, mas se for apenas o marcador de livro, sem mensagens, sem nada escrito À MÃO, pode ir perfeitamente."

      Quando ao simulador eu bem disse que nunca tinha usado aquele sistema do google drive, bem me parecia que as pessoas se calhar não poderiam usar a partir dali (pouco ou nada percebo daquilo) mas vou arranjar outro sistema para que se possa fazer download ;)
      Quando actualizar aviso na página do blog ;)

      Eliminar
  5. É sempre bom aprender qualquer coisa, ainda mais quando com isso podemos poupar :)
    Vou partilhar o seu post e também enviar livros.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pela visita e comentário Maria :D
      Mais posts informativos e passo-a-passo vêm a caminho :)
      Se enviar para alguma biblioteca ou associação, por favor, se puder, tire fotos e depois envie-me as fotos e a contar como foi a sua experiência para eu puder divulgar, se achar bem :D

      Eliminar
  6. Obrigada por este post tão informativo. Por acaso já estou familiarizada com o serviço pois há vários anos que faço trocas e empréstimos e envio tudo por correio, e tem corrido muito bem.

    Em relação à dúvida que colocaste no final acerca das caixas (se se pode colar um papel por cima para reutilizar), eu já fiz isso e correu tudo bem. Quando faço compras na Editorial Presença, recebo dessas caixinhas, que são ótimas para reutilizar e uso-as também várias vezes, tal como os envelopes. Espero ter ajudado!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah, bem me parecia que não havia problema! :D
      E relativamente à dica de envolver os livros em película aderente, o que achou, Denise? :)

      Eliminar
    2. Ainda não experimentei, pois não tenho enviado livros ultimamente, mas parece-me uma boa dica para proteger os livros e vou certamente experimentar :)

      Eliminar
    3. Quando o fizer, se puder, diga como correu :D

      Eliminar
  7. Eu reutilizo todo o material que recebo, envelopes, papel, etc. Assim o preço de envio é somente o valor dos portes.
    uma pequena rectificação...até 2kg qualquer envio de livros não paga IVA.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também o faço :)
      Isso do IVA é que estava mesmo na dúvida, pois uns ctt dizem-me uma coisa, outros outra e uma pessoa até fica "perdida" :/

      Eliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★


✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑