[Opinião] Eterna Saudade | Lia Habel


Sinopse
No ano 2195, em Nova Vitória (uma nação altamente tecnológica baseada nas maneiras, na moral e na moda da antiga era), uma jovem da alta sociedade, Nora Dearly, está mais interessada na história militar e nos conflitos políticos do seu país do que nos chás e bailes de debutantes. Contudo, após a morte dos seus pais, Nora fica à mercê da sua autoritária tia, uma mulher interesseira e esbanjadora que desperdiçou a fortuna familiar e agora pretende casar a sobrinha por dinheiro. Para Nora, nenhum destino poderia ser pior - até que sofre uma tentativa de sequestro por parte de um grupo de mortos-vivos. Isto é apenas o início. Arrancada do seu mundo civilizado, vê-se subitamente numa nova realidade que partilha com zombies devoradores, misteriosas tropas vestidas de preto e «O Lázaro», um vírus fatal que ressuscita os mortos tornando o mundo num inferno. Dos escombros de uma cataclísmica Idade do Gelo, surge uma nova sociedade construída com base nos costumes e na moral vitoriana. Nora Dearly, uma jovem da alta sociedade neovitoriana, conhece Bram Griswold, um atraente soldado, corajoso, nobre… e morto, que apesar disso conserva a sua inteligência e todas as partes do seu corpo graças à sorte e à ciência moderna. E quando vínculo de confiança entre eles se transforma em ternura, não há como voltar atrás. Eles sabem que a separação é inevitável, mas até lá, batendo ou não, os seus corações terão o que desejam.
O que me chamou mais a atenção neste livro foi mesmo a sinopse.
Não haja dúvida que soava original... E não é que foi mesmo?
Um dos melhores livros que já li!
Tem tudo aquilo que um bom leitor pode desejar! História, fantasia, aventura, factos, drama, mistérios, suspense, romance, amizade, guerra, heróis, vilões, armas, vestidos, comédia, um pouco de TUDO!

Li este livro numa assentada, não consegui descansar até o ler, foi uma excelente companhia!
Uma escrita fluída e interessante do princípio ao fim, apesar de ser uma história com - mortos - a escrita é VIVA! O que me fez gostar de zombeis, algo que eu antes não apreciava.
No entanto é impossível não passarmos a gostar de zombeis depois de conhecermos as personagens mortas-vivas cheias personalidade desta história!

A história é contada do ponto de vista de várias personagens, principais, secundárias e até dos vilões! O que a torna extremamente interessante e rica. De uma forma sempre fluída, corrente e a bom ritmo. Não deixa mistérios pendentes nem nada por resolver, é tudo bem explicado e faz sentido. Nunca se sabe o que vai acontecer a seguir, o que eu adoro, pois não gosto de previsibilidade...
Este livro tirou-me o fôlego. Encantou-me. Entusiasmou-me. Um mundo tão elegante no entanto tão futurista...
Podem achar confuso, mas garanto que não é! Faz mais confusão o mundo em que vivemos hoje do que este que a autora criou em que até faz sentido as coisas serem como são.

Uma das coisas que mais gostei foi o facto de ser um livro muito "diversificado", conhecemos intimamente as personagens, o mundo em que vivem, o que acontece a toda a sua volta e a história não se foca exclusivamente no romance. O romance está lá (em várias personagens até) mas a história não é abafada por lamechices, simplesmente está presente no decorrer da aventura.

Simplesmente fantástico, mal posso esperar pelo próximo!

2 comentários:

  1. Uau, realmente ao ler a sinopse parece o meu género de livro! O facto de ser contado por várias personagens só me aguçou o apetite para o ler :D [Cindy]

    ResponderEliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★


✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑