[Vamos ler um livro? - Opinião] A Doçura da Chuva | Deborah Smith

Emprestado por Sara, do Blog "O Encanto das Histórias"
Sinopse
Kara Whittenbrook tinha uma vida privilegiada. Filha de dois ambientalistas famosos, cresceu entre a selva amazónica e os melhores colégios da elite americana. Com a morte dos pais num acidente de aviação, torna-se herdeira, não só de uma enorme fortuna, mas também de um segredo que abalará por completo o seu mundo - o facto de ter sido adotada. Decidida a encontrar os seus pais biológicos, Kara parte para o Nordeste da Califórnia, onde conhecerá Ben Thocco, um rancheiro que vive rodeado de gente singular. Em pouco tempo, ela fará parte de um universo diferente, que lhe abrirá as portas de um amor inesperado e de amizades genuínas, e a ajudará a tomar as mais difíceis decisões...Em A Doçura da Chuva, Deborah Smith dá-nos a conhecer uma galeria de personagens cativantes, que nos envolvem e nos levam a reconhecer nos pequenos gestos do quotidiano as fontes da alegria e da felicidade.
Um livro lindíssimo. Lindo, emotivo, dramático, hilariante.
É fascinante como a autora conseguiu meter todos estes ingredientes e mais alguns, e fazer a historia com nexo, com aventura, com um pouco de romance, com provações, e com piadas que me arrancaram, literalmente, gargalhadas.

Fiquei fascinada com a história, com a escrita, com tudo neste livro. Livro sofregamente até não sobrar, infelizmente, mais página nenhuma. Novamente aquela sensação de que ao terminar, nos separamos de bons amigos que nos fizeram tão boa companhia. Como beber uma bebida deliciosa, a mais deliciosa que já provámos desde à muito tempo e bebemos sofregamente, sabe tão bem, mas quando termina... Sabemos que mesmo que façam outra bebida igual aquela, precisamente os mesmos passos, os mesmos ingredientes, nunca saberá ao mesmo. Talvez a próxima seja melhor, talvez seja pior, mas nunca igual.

Esta história deu-me a sensação de estar a ler um filme. Talvez já tenha visto filmes com elementos semelhantes e por isso me dá essa ideia, ou então tenho a ideia de que se tornaria num filme excelente. É algo... como dizer... fantasiosa.... mas sem elementos de fantasia. Não tem fadas nem doentes nem feiticeiros nem nada do género, mas as personagens, os elementos, os acontecimentos, as aventuras, o factor dramático, o factor hilariante, o rumo de certas coisas que acontecem que apesar de se enquadrarem na vida real dificilmente aconteceriam, e muito menos sempre às mesmas pessoas, poderia acontecer UM facto, um acontecimento, mas tantos factos improváveis acontecerem de seguida?

No entanto é isso mesmo que dá o tal encanto fantástico a esta história, que são histórias dentro de histórias, algo que eu aprecio. Não gosto de quando um livro se foca exclusivamente numa personagem e não explora mais personagem ou pelo menos as que rodeiam a personagem principal, gosto de conhecer as personagens que fazem parte da vida da personagem principal. Neste caso são duas personagens principais, Ben e Kara, pois lemos a perspectiva de um e lemos a perspectiva de outro, intercalados. E dentro da perspectiva de cada um vamos conhecendo as outras personagens.

É uma leitura leve, mas no entanto ao mesmo tempo complexa, faz-nos pensar em certas coisas, a autora deixa muitas pistas que eu posso dizer que as desvendei quase todas mesmo antes de acontecerem, o que é divertido. Mostra-nos a vida de um rancho, de viver e cuidar de pessoas com necessidades especiais, de lhes dar uma oportunidade de mostrarem o que valem e fazerem uso das suas capacidades e talentos apesar dos problemas e limitações que possuem, descobrir quem realmente somos, quem queremos ser, no que acreditamos, na força da boa vontade e amizade, de lutar por aquilo que acreditamos, com cenas que provocam gargalhadas quando menos esperamos, das boas, e outras que nos emocionam e nos deixam a pensar...

Uma leitura soberba....

2 comentários:

  1. Olá Liliana,

    Também tenho este livro para ler e depois da tua opinião fiquei em pulgas para pegar nele! Mas sendo um livro tão bom devo guarda-lo para a altura das férias do verão...que achas?
    Obrigada pelas tuas partilhas
    Sandra

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá :D
      Na minha opinião este é um bom livro para ler em qualquer altura, especialmente naquelas alturas em que não nos apetece ler sobre nada em especifico, por ser um livro que tem drama, comédia, aventura, romance q.b, ... Mas como companhia de férias de Verão sem dúvida que também vai ser uma companhia excelente :) Depois gostaria de saber o que achaste! :D

      Eliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★


✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑