[Vamos ler um livro? - Opinião] A Menina e o Coração | Wania Pinto | Ilustrações Tânia Bailão

O livro conta a história de uma menina e dos muitos pensamentos que iam diretos para o seu coração, fazendo uma barulheira danada, exigentes e desobedientes. A menina, então, pegando numa chave, resolve trancar todos os sentimentos dentro do coração. Até que um dia, algo inesperado acontece e a menina, distraída, esquece-se de trancar a porta. É aí, aproveitando a desatenção, que os sentimentos se transformam em palavras e saem correndo pela boca da menina, até chegarem à porta do quarto de sua mãe, dando-se uma reviravolta com um final especial.

Gostei muito da história em si, do seu significado, mas...
A editora é portuguesa, a ilustradora é portuguesa, ... depois vamos a ler e está no original português do Brasil. Não gostei mesmo nada desse aspecto. Ao menos que estivesse a dizer em algum lado que o livro estava no original e não traduzido, ainda mais que tem o símbolo do novo acordo, e depois está, basicamente, noutro idioma? E depois está mesmo escrito num Português do Brasil mais como eles falam do que propriamente como eles escrevem, numa linguagem muito "solta" e infantil, e se até a mim me custou a ler e perceber algumas coisas, não sei como será para as crianças...

Além de que, nesta idade, em que estão a ler livros Plano Nacional de Leitura, que estão a praticar a leitura, grafia e fonia do português de Portugal estarem a ler estes livros em português do Brasil, que tem frases como "dolorido", "direto pro coraçãozinho", "lágrima muito metida", "era uma súper mãe, sabe?", "Sua mãe chegou em casa", "grande besteira, uma bobagenzinha", entre outras expressões típicas dessa língua.
Tudo bem que as crianças possam ler noutras línguas se assim os profissionais de educação acharem por bem e o conseguirem gerir, inglês, francês, espanhol, etc, etc... Tanto que no básico se começa a estudar logo essas línguas. Mas na minha sincera opinião, para o público/idade a quem este livro se destina não é o caso, ainda estão a praticar a nossa língua mãe, e creio que seria muito, muito mais proveitoso estar traduzido para o português de Portugal.

No meu tempo, víamos os filmes da Disney em Português do Brasil, pois era o que havia. Os livros da turma da Mónica, alguns desenhos animados entre outros era em português do Brasil. Havia coisas que eu lhes chamava pelo nome errado e formas de escrever e falar que eu escrevia e dizia em português do Brasil por esses motivos... Quando comecei a ter português na escola corrigi totalmente esses lapsos. Eu via os filmes da Disney vezes e vezes sem conta, tanto que só de há uns anos para cá (e ainda me faz confusão) comecei a chamar cachimbo ao cachimbo, pois como no filme Disney "A Pequena Sereia" a gaivota chamava "chimbaco" ao cachimbo, durante muitos anos era o que eu lhe chamava, até descobrir o nome verdadeiro. E as próprias músicas e falas que eu sei de cor desses filmes é nesse idioma, e não em português de Portugal...

Acho muito sinceramente que pelo menos no que toca à literatura, fora o resto, e especialmente para os mais pequeninos, deveríamos de investir em livros editados na nossa língua, do nosso país, do nosso Portugal.

Fora isso é uma história bonita, as ilustrações da Tânia Bailão são lindas e cativantes, como sempre, adorei. Apenas a história em si e as ilustrações tiveram valor para mim neste livro.


6 comentários:

  1. Achei curioso este livro, e que seria interessante para as crianças, mas ao saber que está escrito em português do Brasil fiquei desanimada.

    ResponderEliminar
  2. Os brasileirismos são para evitar com os mais novos. Falo por experiência.Tenho uma irmã mais nova 7 anos do que eu e, por vezes, ela não sabe sequer que determinados vocábulos são brasileiros como o famoso "planejando" de cá de casa...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Precisamente, é bom saber que não sou a única com a mesma opinião... :)

      Eliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★


✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑