Lenda da Flor de Natal

24 de dezembro de 2015

Segundo conta uma lenda mexicana, uma menina de nome Pepita queria oferecer um belo presente ao menino Jesus, na missa de Natal. No entanto, sendo muito pobre, não conseguiu comprar nada que considerasse verdadeiramente digno do destinatário. Muito triste e desolada, contou o problema ao seu primo, Pedro, que a acompanhava até à Igreja. Este consolou-a, esclarecendo que, sobretudo aos olhos de Deus, o que realmente importa é o amor com que oferecemos algo, e não o objeto em si.

Animada por esta afirmação, Pepita vai colhendo vários ramos secos e plantas ao longo do caminho. No entanto, quando chega à igreja e vê a pobreza da sua oferta, começa a chorar... ainda assim, decide oferecer o presente ao Menino Jesus, com todo o seu amor. É então, quando deposita os ramos em frente da Sua imagem, que um milagre de Natal acontece: perante o espanto de toda a congregação, estes adquirem uma cor vermelha brilhante, transformando-se numa linda e impressionante prenda.

Desde essa altura, a flor de Natal tem nascido espontaneamente na região, irrompendo do chão molhado, em representação das lágrimas puras e inocentes derramadas por Pepita.

Curiosidade: a Flor de Natal ou estrela-do-natal chama-se, na verdade, Poinsétia, tendo origem no México e América do Norte.
[Texto retirado de ceportugues]

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Este tipo de lendas e histórias são fantásticas :)

      Eliminar
  2. Não conhecia e tinha curiosidade em saber a origem desta tradição uma vez que adoro esta flor/ planta e todos os anos tenho uma :) Obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito feliz por ter ajudado a descobrir! :D

      Eliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★


✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑